sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011



Não importa quanto vai durar.
É infinito agora.

-Caio Fernando Abreu-